Reparação e design

Como escolher um grampeador de construção?

Vários anos atrás, muitas ferramentas inéditas surgiram nas lojas e mercados de construção, uma das quais era um grampeador de construção, que era uma ferramenta muito simples, mas ao mesmo tempo multifuncional. Desde então, tornou-se cada vez mais popular e hoje, na vida cotidiana, tornou-se uma ferramenta cotidiana, cuja presença, como os exercícios, é quase obrigatória.

Mas então, os produtos da China apareceram nas lojas, o que causou alguma confusão sobre a escolha dos produtos. Este artigo irá revelar o segredo de como escolher um grampeador de construção. O nome correto para essa ferramenta é um grampeador de construção, mas muitas vezes você pode ouvir como ele é chamado de grampeador, grampeador de móveis, grampo, mola, pistola manual ou grampeador mecânico. Na verdade, esses são apenas nomes diferentes para a mesma ferramenta.

Que tipo de grampeador de construção escolher?

A escolha de um grampeador não deve causar nenhuma dificuldade, pois se você conhece algumas regras, a escolha será por si só. Primeiro você precisa determinar o tipo de grampeador. Existem três tipos de grampeador - pneumático, elétrico e mecânico. Muitos, já tendo ouvido o nome desses tipos, representam aproximadamente o que cada um deles é, mas você precisa se debruçar sobre eles com mais detalhes. Além disso, você precisa descobrir qual dos três tipos deve ser comprado para as suas necessidades.

Grampeador mecânico

O grampeador clássico é precisamente um grampeador mecânico, que também é muito popular entre os consumidores comuns. Tem um sistema muito simples. Ele grampeia os grampos graças à força da mola, comprimida com a ajuda de uma alavanca, que é acionada manualmente. Após a compressão, a mola endireita imediatamente devido à energia recebida da alavanca e obstrui o suporte. Seu dispositivo é realmente muito simples, porque consiste de um corpo, uma alavanca e uma mola, e funciona graças à força humana. É por isso que seu preço é baixo, e isso o torna muito popular.

O único negativo pode ser chamado de fato que você tem que aplicar força. Isso se justifica quando a quantidade de trabalho que você está fazendo é pequena, mas se você estiver envolvido no transporte de móveis ou salas de aquecimento, você rapidamente se cansará de trabalhar com esse grampeador, e a velocidade do trabalho não o agradará. Portanto, para fabricantes de móveis e construtores, é necessária uma ferramenta de nível diferente, mais profissional. Esta ferramenta inclui grampeador pneumático e elétrico.

Grampeador elétrico

Este grampeador é organizado de forma completamente diferente. O suporte é entupido com a ajuda de energia elétrica, o que facilita muito o trabalho, já que não há necessidade de aplicar força para comprimir a mola, basta pressionar o botão. Graças a isso, trabalhar com grampeadores elétricos, mesmo que muito poderosos, não será difícil para qualquer pessoa, mesmo para uma garota frágil, se ela precisar usar essa ferramenta de repente. Naturalmente, a velocidade de trabalho com tal grampeador é muito maior, e a força com a qual os suportes são acionados é muito maior, o que torna possível usar tal grampeador para trabalhar com materiais razoavelmente fortes e ao mesmo tempo fornecer uma fixação confiável e boa.

As desvantagens dos grampeadores elétricos são seu peso e a presença de um cabo de força. O cabo irá interferir constantemente, especialmente quando se trabalha ao ar livre. Mas, para o deleite dos consumidores, atualmente existem boas baterias que podem salvá-lo do problema principal do grampeador elétrico. Mas não se esqueça do peso. Qualquer ferramenta elétrica é mais pesada que sua contraparte mecânica, e o peso da bateria também é adicionado a uma ferramenta com uma bateria. Uma ferramenta ideal não pode ser, portanto, em qualquer caso, você tem que sacrificar alguma coisa. Mas com todas as suas desvantagens, os grampeadores elétricos ainda são mais práticos e convenientes. Mas o ruim é que um bom grampeador elétrico é muito mais caro.

Para resumir, eu quero dizer que você precisa escolher um grampeador elétrico para aqueles que fazem muito trabalho com ele, e se você usá-lo não com tanta frequência, seria melhor comprar um bom grampeador mecânico.

Grampeador pneumático

Este é o terceiro e último tipo de grampeador. Nesse caso, a órtese será acionada pela força do ar comprimido e não pela eletricidade ou pela força dos músculos humanos. As vantagens de tal grampeador incluem a grande resistência com a qual os grampos estão entupidos, bem como a alta velocidade de operação. O grampeador pneumático tem menos peso que o elétrico. Mas ele tem um significativo menos - para o seu trabalho você precisa de ar comprimido. Se você comprar um grampeador como esse em casa, também precisará de um compressor, que é muito mais caro e ocupa muito mais espaço. Transportar todo este equipamento é bastante difícil e a comunicação constante com o compressor impede o movimento. É por isso que esses grampeadores pneumáticos são mais usados ​​na produção, onde o trabalhador tem seu lugar e ele não precisa usar uma ferramenta e, ao mesmo tempo, ele recebe um grampeador de alta velocidade, que tem excelente força para movimentar grampos.

Cada um dos três tipos de grampeador tem suas vantagens, desvantagens e escopo, portanto, não será difícil escolher o grampeador de que você precisa.

Escolha da força de impacto

Todos os três tipos de grampeador foram considerados acima, cuja força de impacto é diferente - a mecânica é a menor e a pneumática é a maior. Mas existem ferramentas do mesmo tipo que entopem pior ou melhor. Portanto, tendo decidido sobre o tipo de grampeador que você precisa, você também deve escolher a força com a qual ele irá martelar os grampos.

Um dos métodos mais simples para determinar a força de impacto é o valor do parâmetro de comprimento de colchetes máximo, aplicável a este modelo. Cada modelo de grampeador trabalha com colchetes que possuem certas características. O comprimento dos grampos com os quais os grampeadores trabalham pode variar de 4 a 14 mm.

Se houver uma escolha entre dois grampeadores, que tenham as características de 4-8 mm e 4-14 mm, vale a pena escolher a segunda opção, pois ela terá uma força de impacto maior.

A força do impacto, é claro, é um parâmetro muito importante, mas o comprimento dos suportes acionados também depende do material com o qual você irá trabalhar. Se você comprou um grampeador com características de 4-14 mm, então, ao trabalhar com um pinheiro, os grampos funcionarão perfeitamente, mas se você tiver que trabalhar com um aglomerado bom ou, por exemplo, com carvalho, dificilmente poderá usar um suporte de até 12 mm . Quanto mais forte o material com o qual o trabalho é feito, pior os suportes são direcionados para ele.

Para pessoas comuns que não são particularmente versadas em construção, recomenda-se escolher grampeadores com um tamanho máximo de grampos de 12 mm ou mais, isso deve ser suficiente para fazer todo o trabalho doméstico.

Diferenças funcionais

Se tomarmos como base o tipo de grampeador e a força de impacto ou o tamanho máximo possível de colchetes, então você já pode escolher um bom grampeador de construção para si mesmo. Mas, além das funções básicas, qualquer ferramenta também possui vários parâmetros adicionais significativos. Portanto, antes de comprar vale a pena examiná-los para descobrir todas as possíveis nuances antes de comprar um grampeador.

Subtipos de grampeador

Além dos três principais tipos de grampeadores, também existem vários subtipos dessa ferramenta.

Alguns dos mais populares são:

  1. Grampeadores de cabos. Esses grampeadores são usados ​​para fixar os fios. Na maioria das vezes, com sua ajuda, redes de computadores, linhas telefônicas e outras comunicações similares são estabelecidas. A espessura do cabo com o qual eles podem trabalhar é de 4,5 a 7,5 mm. Mas neste tipo de grampeador, outros suportes são usados ​​para fixar os arames redondos.
  2. Grampeadores de embalagens. Eles são destinados para caixas de embalagem. O suporte em tal grampeador se dobra, o que não está nos grampeadores de construção.
  3. Grampeadores com unhas. Tal ferramenta é capaz de funcionar não apenas com parênteses, mas também com pregos, ou seja, dois em um. Se, ao mesmo tempo, comprar uma boa ferramenta, essa solução permitirá que o profissional economize significativamente.
  4. Grampeadores em forma de martelo ou martelos de grampo. Nesta forma de realização, para martelar os suportes, é necessário bater o próprio agrafador. O circuito é muito semelhante a um grampeador mecânico. É verdade que esses dispositivos perdem em precisão, mas ganham em velocidade.
  5. Taker. Este é o nome de um grampeador especial que é capaz de conduzir grampos em V. Na maioria das vezes, ele é usado para realizar qualquer trabalho pequeno em que seja necessária uma conexão de alta qualidade.
  6. Rebitador Esta é outra dois em uma ferramenta. É capaz de fazer conexões fascinantes e, ao mesmo tempo, é um grampeador comum.

Segurança do grampeador de construção

Um parâmetro muito importante no trabalho com qualquer ferramenta é a segurança. Grampeadores de construção de alta qualidade fabricados por renomados fabricantes estão sempre equipados com um excelente sistema de proteção ao usuário. A principal função do sistema de segurança é o sistema de acordo com o qual a ferramenta é ligada somente no modo prontidão total, ou seja, se você colocar a ferramenta na superfície, o suporte entope, e se você acidentalmente pressionar no ar, a ferramenta não funciona.

É altamente recomendável que você escolha uma ferramenta com um sistema de segurança. Além disso, quando você trabalha com a ferramenta por um longo tempo, tudo pode acontecer e a mão pode até mesmo tremer com um profissional.

Mas existem outros sistemas de proteção que protegem a ferramenta em si. Por exemplo, se o sistema notou que algum suporte não entrou completamente, a partição será automaticamente desativada.

Pequenas coisas

Sim, você também precisa saber sobre as pequenas coisas, embora elas não sejam tão importantes. Às vezes, o grampeador tem uma janela de visualização na qual você pode ver quantos outros grampos são deixados em estoque. Claro, será muito mais conveniente, mas mesmo sem você, você será capaz de entender quando os grampos se esgotarão.

Um pouco sobre ergonomia. Muitos grampeadores de construção são muito convenientes e é muito bom segurá-los em suas mãos, mas quando uma ferramenta cara de um fabricante famoso cai em suas mãos, você entende que essa é uma alavanca verdadeiramente ergonômica.

Existem ferramentas onde você pode ajustar a força do impacto, mas isso é necessário apenas para que, ao reduzir a força, não esmague materiais mais frágeis. Mas, francamente, esses reguladores podem ser encontrados até mesmo nos modelos mais baratos de grampeadores.

Todas essas pequenas coisas adicionam conveniência à ferramenta, mas sem elas é bem possível fazer bem o trabalho.

Como escolher grampos para um grampeador?

A conversa sobre aparelhos é curta. Quando você seleciona o tipo de grampeador, em suas características você pode descobrir quais são os suportes adequados para ele. Só é necessário lembrar que o material com o qual o trabalho será realizado tem características diferentes e você precisa escolher seus próprios aparelhos para cada um. Um suporte em forma de U é clássico, com largura de 11,3 mm e alturas diferentes. Para o trabalho doméstico, esses colchetes são suficientes. Os profissionais precisam escolher os grampos com base em suas necessidades e no tipo de grampeador com o qual trabalham.

Neste artigo, todos os tipos de grampeadores foram considerados com detalhes suficientes e, após a leitura, você pode ir com segurança a uma loja de hardware e comprar exatamente o grampeador de que precisa.